EnglishFrenchGermanItalianPolishPortugueseSpanish


Notícias

Reinício da proposta vocacional específica salesiana em São Gabriel-AM


Em todos os campos do relacionamento humano, sempre é necesário verificar que tipo de abordagem deve acontecer para que a interação entre os grupos ou pessoas aconteça com eficácia. Na pastoral vocacional não é diferente, esta abordagem se situa no movimento de inter-relação das comunidades cristãs sensibilizadas com o encaminhamento dos(as) jovens para a busca da descoberta e escolha específica frente à sociedade em que vivem.
Os cristãos mais atentos com a continuidade do projeto salvífico entre os homens e mulheres, tentam viver as coordenadas da palavra de Deus, dos sacramentos na Igreja, da oração e por fim as coordenadas do compromisso apostólico.

Todos esses processos devem ter em conta, a proposta direta àqueles(as) jovens da comunidade que são mais sensíveis e aptos à uma escolha de vida comprometida em resposta ao chamada de Deus e a disposição dos adultos no acompanhamento dos(as) candidatos, que, se assessorados com muita seriedade e respeitando as etapas pessoais devidas; e após uma opção livre iniciam um caminho as vezes até longo, mas sereno na diversas instituições com que a Igreja conta para a formação dos possiveis ministros sacerdotais ou não e religiosos(as) comprometidos com a transformação para o bem de todos.

Entendemos, portanto que a seqüência segura percorre o seguinte caminho:

a) A proposta que provoca ou suscita o chamado vocacional pessoal, resultado de um chamado geral ao povo de Deus sobre todas as vocações, de especial consagração; que vem do anúncio em forma de proposição geral ainda não personalizada.

b) A resposta ou acolhimento do chamado que vem da tomada de consciência da própria vocação, particularmente importante no processo vocacional pessoal.

c) O projeto que exige o acompanhamento como ação vocacional consciente, de quem acompanha, tendo em conta que é o estágio no qual a pessoa se põe a caminho e começa o processo. Aqui o comum é que após a pessoa ter assumido o próprio passado pela ótica da graça de Deus, busca uma situação nova. Nesta visão o projeto pessoal de vida precisa englobar os aspectos pessoais, relacionais e estruturais em que a vida humana se desenvolve.

d) O compromisso que propõe a formação institucionalizada com a qual conta a Igreja nos diversos carismas e que propõem aos candidadtos a experimentarem o chamado de Deus para o ministério ordenado, para a vida religiosa ou outras formas de vida consagrada.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

POR UMA PARÓQUIA SINODAL

Na quarta-feira (25/01), as lideranças comunitárias e pastorais da paróquia Nossa Senhora das Graças em Ananindeua/PA, se reuniram no salão São José, da Igreja Matriz, para o primeiro encontro da

Leia mais

Está gostando deste Conteúdo? Compartilhe!

Ir para o Whatsapp
1
Precisa de ajuda?
Olá! Podemos te ajudar? 😀