EnglishFrenchGermanItalianPolishPortugueseSpanish


Notícias

II CONGRESSO INTERNACIONAL DE DOUTRINA SOCIAL DA IGREJA REUNE MAIS DE 450 PESSOAS EM SÃO PAULO

Por COMSOC / ISMA (Correspondente em São Paulo) –

Aconteceu de 28 a 30 de setembro, em São Paulo, o II Congresso Internacional de Doutrina Social da Igreja. Promovido pelo Centro Universitário Salesiano (UNISAL/SP) e a Pontificia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP), o evento reuniu mais de 450 pessoas de cinco paises da América Latina e Estados Unidos, que ao longo de três dias aprofundaram o tema: A Doutrina Social da Igreja e o cuidado misericordioso com os mais frágeis.

A solenidade de abertura contou com a apresentação musical de jovens surdos-mudos de um inspirador projeto socio-educativo denominado Banda do Silêncio. Na sequência, o Cardeal Arcebispo de São Paulo, Grão-Chanceler da PUC, Dom Odilo Pedro Scherer, e o Pe. Edson Donizetti Castilho, Inspetor Salesiano e Chanceler da UNISAL, desejaram boas vindas aos participantes do Congresso destacando suas contribuições para a Igreja e sociedade. A conferencia da noite: “Urgências eclesiais segundo o Papa Francisco”, ficou por conta do Arcebispo de Yucatan/México e Presidente da Comissão de Pastoral Social do CELAM, Dom Gustavo Rodrigues Vega, que sintetizou o pensamento do Santo Padre na frase: “Quero uma Igreja pobre, para os pobres”.

Nos dias seguintes, após a oração inicial, outros conferencistas abordaram os temas indicados pelo próprio Papa Francisco para o Congresso, a saber: Ideologia Midiática com Susana Nuin nuñez do CEBITEPAL- CELAM/ Bogotá; Migração com Pe. Paolo Parise da Missão Paz/SP; Tráfico de Pessoas  com Thomas Brennan da ONU/New York; “Trabalho escravo” com Guillermo Sandoval da Comissão Nacional de Justiça e Paz – CELAM/Santiago do Chile.

Diversas mesas-redondas retomaram e aprofundaram os diálogos propostos pelas temáticas centrais. Foram elas: “Manipulação Ideológica da Comunicação” com Alex Villas Boas da PUC/SP e Fernando Altemeyer Júnior (PUC/SP); “Migração: um escândalo mundial” com Anis Deiby Valencia do Instituto Haitiano de Doutrina Social Cristã/Haiti e Márcia Maria C. M. De Souza da PUC/SP; “Humanos Desumanizados” com Tânia Teixeira L. De Souza da PUC/SP e Marina Aparecida P da Cruz Correa da OBMinas/UEMG/PUC/MG; “Violação dos Direitos Humanos” com Juan Biosca González do Instituto Social do Trabalho – Valência/Espanha e Adelino Francisco de Oliveira da IFSP – Piracicaba/SP.

Nas salas temáticas, pesquisadores de diversos estados, apresentaram trabalhos na área social, entre os quais o estudante salesiano José Ivanildo de O. Melo, que fez uma análise de conjuntura da situação dos Povos Indígenas no Brasil, denunciando o esbulho a que estão expostos por conta das retrógadas medidas político-jurídicas do governo brasileiro.

Na solenidade de encerramento, refletiram sobre O Papel das Universidades Católicas na Promoção e Defesa dos mais Frágeis, a Prof.ª Anna Maria Marques Cintra, Reitora da PUC-SP e o Pe. Ronaldo Zacharias, Reitor do UNISAL. Concluindo os trabalhos desse II Congresso, a Prof.ª Rosana Manzini, Presidente da Rede Latino-Americana do Pensamento Social da Igreja (REDELAPSI), e coordenadora do evento, convidou todos à oração, agradeceu a Deus e aos colaboradores, augurando um próximo encontro.

foto 1 foto 2 foto 5

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

POR UMA PARÓQUIA SINODAL

Na quarta-feira (25/01), as lideranças comunitárias e pastorais da paróquia Nossa Senhora das Graças em Ananindeua/PA, se reuniram no salão São José, da Igreja Matriz, para o primeiro encontro da

Leia mais

Está gostando deste Conteúdo? Compartilhe!

Ir para o Whatsapp
1
Precisa de ajuda?
Olá! Podemos te ajudar? 😀