EnglishFrenchGermanItalianPolishPortugueseSpanish


Notícias

Igreja realiza Sínodo

Começou no Vaticano dia 07/10 o Sínodo sobre a nova evangelização. O que é um sínodo? É uma grande assembléia convocada pelo papa para tratar assuntos da vida e missão da Igreja. Desta vez Bento XVI convocou o Sínodo para tratar da nova evangelização no mundo contemporâneo.

Os participantes do Sínodo são bispos, cardeais, padres e leigos/as. Os bispos e cardeais são eleitos pelas respectivas conferencias episcopais, enquanto os demais são indicados ou eleitos pelo papa.

Este Sínodo vai tratar dos desafios e urgências da evangelização num mundo que se transforma rapidamente, que passa por crises financeiras e grande mobilidade humana. O envio missionário de Jesus continua um imperativo para a Igreja, mas temos grandes obstáculos, como também grandes vantagens; por exemplo, as novas tecnologias. Trata-se um cenário importante para a evangelização. Como utilizar de todos os meios que as mídias nos apresentam para comunicar a verdade sobre Jesus Cristo? Qual linguagem precisamos saber utilizar? Em qual cultura precisamos nos inserir? Quais são os areópagos, como bem dizia João Paulo II, temos que levar em conta hoje para tornar o Evangelho uma palavra de esperança e de conversão?

São questões todas essas da missão da Igreja inserida em realidades muito complexas. Desde os países mais pobres, passando por aqueles emergentes, no caso o Brasil, e pelos países do chamado primeiro mundo que enfrentam grande crise econômica, até os países que vivem um cenário de guerra e fome há décadas, questionam o anuncio do Evangelho e sua eficácia. 

Na América Latina e Caribe, para ser mais pontual, temos crescido como igreja numa grande ação conjunta em prol da Evangelização. A última Conferência de Aparecida traçou um processo de evangelização a partir da consciência de sermos discípulos missionários. Trata-se de uma Igreja que aprende permanentemente e sabe formar a partir dos valores do Evangelho. Contudo, não está sendo fácil sair do papel. A grande questão é: quem vai concretizar os elementos fundamentais do documento de Aparecida? Quem vai colocar em prática, por exemplo, o grande caminho da iniciação cristã para revigorar nossa ação catequética com adultos, jovens e crianças, para sair da mera sacramentalização e devocionismo? Documentos não faltam, inclusive a última encíclica de Bento XVI sobre a Palavra de Deus, um texto excelente, mas que ainda não foi degustado como se deve. Aqui em Manaus realizamos o primeiro congresso bíblico missionário, mas para meu espanto, os grandes ausentes foram os padres. Logicamente que não será o clero que levará pra frente a bandeira de Aparecida, da encíclica sobre a Palavra de Deus e muitos menos dos resultados do próximo Sínodo. O clero precisa de formação permanente sobre as novas mídias para poder avançar na evangelização.

Então, com quem podemos contar? Qual é o agente emergente? Sinceramente espero que o Sínodo não fique nas meras repetições ou constatações teológicas, mas dê uma visão ampla, global, amparada na realidade local, para nos ajudar a repensar a evangelização nos novos cenários da contemporaneidade: uma sociedade líquida, de consumidores e não mais de empreendedores, uma sociedade da indiferença, do individualismo, do hedonismo e de passagem. É preciso saber ir às praças dos novos agnósticos para comunicar Jesus caminho, verdade e vida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

PÁSCOA JOVEM 2024

No dia 13 de abril, a Articulação da Juventude Salesiana (AJS) da Área de Manaus, realizou a Páscoa Jovem 2024. A Matriz Paroquial São José

Leia mais

Está gostando deste Conteúdo? Compartilhe!

plugins premium WordPress
Ir para o Whatsapp
1
Precisa de ajuda?
Olá! Podemos te ajudar? 😀