EnglishFrenchGermanItalianPolishPortugueseSpanish


Notícias

DESPEDIDA DO NOSSO “IRMÃO MAIOR”

A pedido do P Inspetor, fui a Porto Velho para participar do funeral do nosso querido “irmão maior”, P Alexandre Guarde. Ele era o salesiano mais idoso da nossa Inspetoria. Homem simples, cristão com profundas raízes, salesiano austero, missionário devotado à evangelização do povo rondoniense, sacerdote “bom samaritano” de todas as horas e de todas as estradas.

A igreja de Nossa Senhora de Fátima aos poucos foi ficando lotada com a presença de tantas pessoas que vieram prestar a sua homenagem ao P Alexandre. Vários presbíteros diocesanos fizeram-se presentes. A celebração foi presidida pelo bispo emérito de Ji-Paraná, Dom Antonio Possamai, sdb. Impossibilitado de estar presente, pois se encontrava em Humaitá, Dom Moacyr, fez-se presente através de uma mensagem cheia de ternura e carinho para com este nosso irmão.

Os salesianos da Área do Aroma também estiveram presentes. O P Moisés, veio representando a comunidade de Humaitá. O P Rypel e o P Sagues vieram de Ji-Paraná. Estavam com eles os estudantes de teologia Gilson e Ilton, que durante as férias foram colaborar com a animação pastoral daquela comunidade.

Além dos fiéis leigos, dos sacerdotes, pude encontrar-me com vários membros da Família Salesiana, especialmente as Filhas de Maria Auxiliadora e os Salesianos Cooperadores. Todos irmanados na gratidão e no testemunho que o P Alexandre deixou como “semente que deve continuar germinando e produzindo abundantes frutos”.

Durante a homilia, Dom Antonio lembrou o quanto o P Alexandre era querido pelo povo, sobretudo pela comunidade São João Bosco. Ele mencionou ainda que a passagem do nosso irmão para a casa do Pai foi marcada por algumas delicadezas de Deus, como o fato de ter sido chamado no dia em que celebrávamos a festa de São João Maria Vianey: homem simples, santo e modelo de todos os párocos. Acrescentou ainda o fato de estarmos no início do ano sacerdotal promulgado pelo Papa Bento XVI e da coincidência da morte do P Alexandre, um verdadeiro salesiano sacerdote.

Após as palavras de Dom Antonio, fui convidado a falar em nome da nossa Inspetoria. Agradeci em primeiro lugar, ao Beto, o jovem enfermeiro, o “bom samaritano” que prestou os primeiros socorros ao P Alexandre. Em seguida relembrei o fato de que desde 1966, quando chegou ao Brasil, praticamente toda a vida e o ministério sacerdotal do P Alexandre foi realizado em terras rondonienses. Sem dúvida alguma ele pode ser inscrito entre aqueles que levaram o carisma salesiano para aquela região como Dom João Batista Costa, P Chiquinho, P Adolfo Rohl, P Mario Castagna, P Angelo Spadari e tantos outros. Conclui pedindo ao P Alexandre que interceda por todos nós para que a nossa Inspetoria seja abençoada com inúmeras vocações, segundo o coração de Cristo, Bom Pastor.

A celebração foi marcada pela simplicidade, alegria, comoção e pela gratidão estampada no rosto das pessoas. O agradecimento de um aluno do Instituto Maria Auxiliadora que dias antes havia entrevistado o P Alexandre, comoveu a todos.

Agora o nosso querido irmão “dorme” na cripta junto com tantos outros filhos de Dom Bosco que semearam o Evangelho com o suor e a doação da própria vida na espera da Ressurreição definitiva.

Repouse em paz, querido “irmão maior” e junto de Deus interceda pelos seus irmãos que peregrinam nesta Amazônia testemunhando o amor de Deus pelos jovens e pelas classes populares.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

POR UMA PARÓQUIA SINODAL

Na quarta-feira (25/01), as lideranças comunitárias e pastorais da paróquia Nossa Senhora das Graças em Ananindeua/PA, se reuniram no salão São José, da Igreja Matriz, para o primeiro encontro da

Leia mais

Está gostando deste Conteúdo? Compartilhe!

Ir para o Whatsapp
1
Precisa de ajuda?
Olá! Podemos te ajudar? 😀