EnglishFrenchGermanItalianPolishPortugueseSpanish


Notícias

CNBB promove debate sobre a Amazônia.

Comissão Episcopal para a Amazônia divulga nota sobre o debate Políticas Públicas e o Futuro da Amazônia.

Após o debate sobre Políticas Públicas e o Futuro da Amazônia, a Comissão Episcopal para a Amazônia reuniu-se para avaliar o evento, no qual foram entrevistados os ministros para Assuntos Estratégicos, Roberto Mangabeira Unger e do Meio Ambiente, Carlos Minc.

Os ministros foram interpelados pelo professor da Universidade Federal de Manaus, Alfredo Wagner Berno; o procurador da República no Pará, Felício Pontes Júnior, e o jornalista, Mauro Santayana. O debate ocorreu no auditório Dom Helder Câmara, na CNBB, em Brasília, e contou com a presença de mais de cem pessoas. Além disso foi transmitido ao vivo pela Rede Vida de Televisão e TV Nazaré.

Depois da reunião de avaliação do debate, a Comissão Episcopal para a Amazônia divulgou a seguinte mensagem:

NOTA SOBRE O DEBATE “POLÍTICAS PÚBLICAS E O FUTURO DA AMAZÔNIA”

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, através da Comissão Episcopal para a Amazônia – CEA, reunida no dia 10 de setembro de 2008, em sua sede, torna público o agradecimento pela presença dos Ministros de Estado Roberto Mangabeira Unger e Carlos Minc no debate sobre “Políticas Públicas e o Futuro da Amazônia”, com representantes da sociedade.

O debate propiciou a discussão de assuntos que são fundamentais e preocupantes na formulação de políticas públicas para a Amazônia, como as questões relativas aos povos e comunidades tradicionais, situação fundiária, florestal, agropecuária, utilização de recursos hídricos para geração de energia, entre outras.

Os representantes da sociedade civil opuseram-se à proposta de criação do Instituto de Regularização Fundiária da Amazônia (IRFAM), posicionando-se pelo fortalecimento do INCRA no cumprimento de sua missão institucional, cuja capacidade operacional está aquém das demandas da região.

Ressaltou-se a necessidade de consulta pública das comunidades diretamente afetadas, antes da criação de qualquer órgão ou programa de governo.

Foi gratificante ouvir do Ministro Mangabeira Unger que a criação do IRFAM não está decidida, e que se faz necessária a consulta aos movimentos populares, bem como a posição governamental de demarcação contínua da Terra Indígena Raposa Serra do Sol.

No que se refere à política florestal, os Ministros reconheceram a importância da floresta em pé em benefício do meio ambiente e da humanidade, reforçando o compromisso do Governo com programas de crescimento econômico dos povos e comunidades tradicionais, notadamente a continuidade de criação das reservas extrativistas.

O combate à pecuária extensiva em detrimento do ecossistema amazônico foi ressaltado pelo Ministro Carlos Minc como uma das principais frentes do Governo. Foi anunciado também o aumento da presença estatal na região, notadamente com operações contra o desmatamento e anúncio de concurso público para os órgãos ambientais.

Preocupa-nos a ausência de respostas aos questionamentos sobre a construção de hidrelétricas que trazem impactos sociais e ambientais de grave conseqüência, sem o correspondente benefício direto à população amazônida.

Por fim, a CNBB, através da CEA, propõe a continuidade desse debate entre Governo e sociedade como necessidade de direcionamento das políticas públicas para a Amazônia.

Dom Jayme Henrique Chemello
Presidente da Comissão Episcopal para a Amazônia

Dom Antônio Possamai
Vice-presidente da Comissão Episcopal para a Amazônia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CURATORIUM DO CRESCO

No dia 22 de fevereiro em Tlaquepaque, Jalisco, México, os Inspetores das regiões do Cone Sul e Interamérica se reuniram para participar do Curatorium do

Leia mais

BOSCOFOLIA 2024

No dia 13 de fevereiro, o Pró Menor Dom Bosco, na Zona Leste de Manaus, foi palco de uma celebração única neste Carnaval. O BoscoFolia

Leia mais

Está gostando deste Conteúdo? Compartilhe!

plugins premium WordPress
Ir para o Whatsapp
1
Precisa de ajuda?
Olá! Podemos te ajudar? 😀