EnglishFrenchGermanItalianPolishPortugueseSpanish


Notícias

Belém ganha Escola de Mágica “Mago Sales”

Hoje é Dia do Mágico. E para comemorar a data, nada melhor do que mostrar a história de alguém que fez dessa arte um instrumento de transformação social. Foi assim com Rafael Voltan, um jovem voluntário de 24 anos que veio da Itália prestar serviços as comunidades carentes de Belém. Na capital paraense, constatou que muitos meninos e meninas de baixa renda eram atraídos – e apaixonados – pelas brincadeiras de malabarismo e pelos truques de mágica, utilizando, muitas vezes, essas habilidades para sobreviver. Pensando na profissionalização desses garotos e numa forma de tirá-los das ruas, Rafael decidiu abrir uma escola de mágica no Salesiano do Trabalho. Seis meses depois, o sonho torna-se realidade.


Considerada a cidade da mágica por excelência, Turim, na Itália, possui uma das mais antigas entidades mágicas, chamada “Círculo Amigos da Mágica”. Ali, os vários mágicos da região apresentam suas habilidades e trocam experiências. Foi lá que Rafael conheceu Mago Sales, um padre salesiano que mantinha – e mantém até hoje – uma Fundação que ajuda entidades filantrópicas de várias partes do mundo. Logo, Rafael e Sales tornaram-se amigos e o jovem pôde aprender com o religioso outras técnicas e brincadeiras para entreter as crianças.


O mago também colocou à disposição de Rafael uma vasta biblioteca, com mais de cinco mil volumes sobre mágicas do mundo inteiro. Com os livros, o jovem mágico aprendeu a arte das sombras chinesas, orígamo e esculturas em balões. Foi também pesquisando na biblioteca que Rafael conheceu a arte do ventriloqüismo, a qual domina perfeitamente hoje em dia. Rafael também freqüentou a Escola de Teatro Físico de Philip Radice, onde estudou a arte do mimo, da pantomina, o uso da máscara, estudo da personagem e técnicas básicas de acrobática e malabarismo.



Em 2004, ainda em Turim, Rafael conheceu o Ir. Antônio Stefani, salesiano que trabalhou 8 anos no Salesiano do Trabalho. Incentivado por Ir. Stefani, Rafael decidiu vir ao Brasil, onde conheceu o Salesiano do Trabalho, uma das centenas de obras sociais que recebem ajuda da Fundação Mago Sales, oferecendo a crianças carentes cursos profissionalizantes e atividades de lazer. Logo Rafael iniciou em Belém uma pequena escola de mágica e malabarismo, a fim de ocupar o tempo livre das crianças.



Sem estrutura própria, a escolinha de mágica funcionava de maneira improvisada dentro da Escola Salesiana. Foi então que Rafael decidiu voltar à Itália e juntar recursos para garantir uma escola com tudo o que tinha direito. Ficou quatro meses lá, fazendo shows e pedindo ajuda aos amigos. Voltou ao Brasil em setembro do ano passado e, desde então, se prepara para a inauguração da escola de mágica. “Trabalhei bastante, pedi ajuda aos mágicos da Itália, que me doaram muitas coisas, inclusive livros, e consegui voltar para Belém com o mínimo necessário para montar a escola. Agora, o meu maior desejo é que ela cresça e possa ajudar a formar muita gente”, comemora o mágico Rafael.



A Escola de Mágica funcionará dentro do Salesiano do Trabalho, nos turnos da manhã e da tarde, com capacidade para 30 alunos, mas também atenderá alunos de fora da instituição. A inauguração aconteceu hoje, com a bênção oficial do Arcebispo Metropolitano de Belém, Dom Orani João Tempesta.



Durante o evento, Rafael fez alguns números de mágica utilizando a nova sala totalmente equipada. Na oportunidade, os primeiros alunos da escola estiveram presentes para mostrar o que aprenderam. “Eu nunca quis fazer mágica para impressionar ou para me sentir melhor do que os outros. Sempre fiz e faço mágica para me divertir e divertir as crianças. Nenhum dinheiro do mundo é capaz de pagar o sorriso de uma criança”.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

POR UMA PARÓQUIA SINODAL

Na quarta-feira (25/01), as lideranças comunitárias e pastorais da paróquia Nossa Senhora das Graças em Ananindeua/PA, se reuniram no salão São José, da Igreja Matriz, para o primeiro encontro da

Leia mais

Está gostando deste Conteúdo? Compartilhe!

Ir para o Whatsapp
1
Precisa de ajuda?
Olá! Podemos te ajudar? 😀